pt.wikisource.org
20032004200520062007200820092010201120122013201420152016201720182019
JanuaryFebruaryMarchAprilMayJuneJulyAugustSeptemberOctoberNovemberDecember

Most active pages
November 2019

ViewsUsersEditsRevertsDiffVolumeSizeTitle
2.9 k00O Corvo (tradução de Machado de Assis)
1.5 k1118185.4 kO Corvo (tradução de Fernando Pessoa)
2.2 k00Ave Maria (Oração)
2.2 k00Oração da Cabra Preta Milagrosa
1.7 k00Estatuto do PCC
1.5 k00Contos Populares Portuguezes
1.2 k00Contos de Grimm/O lobo e os sete cabritinhos
96900Ismália
92600Os Lusíadas
86000A Balada de Mulan
76300Os Lusíadas/I
64300Contos Tradicionaes do Povo Portuguez
41234046536Contos Populares Portuguezes/Historia da carochinha
62100Antífona (Cruz e Sousa)
57700Categoria:Contos portugueses
43000Chapeuzinho vermelho
34600Mensagem (Fernando Pessoa)
32600Marília de Dirceu
32600Prosopopéia
32200A Falência
30500Hino da Independência do Brasil
30100A Morte (Cruz e Sousa)
29400Página principal
29200Contos de Andersen/A roupa nova do imperador
26700Categoria:Contos Populares do Brazil
81111 k11 k15 kConstituição da República de Angola/I
23700Tradução Brasileira da Bíblia/Mateus/II
19800Fabulas de Esopo/O Lobo e o Cão
19600Evangelho de São Tomás
18700Contos de Andersen/O patinho feio
8142.5 k2.4 k2.4 kCorpe Ca Tem Culpa
18100Hino da Proclamação da República
10611-227.7 kTradução Brasileira da Bíblia/Números/XXVI
11901901901O Domínio Público no Direito Autoral Brasileiro/Capítulo 1/1.3.2.
15200Hino do município de Valença (Bahia)
111.4 k1.4 k1.4 kOí eu sempre, mia senhor, dizer
111.4 k1.3 k1.3 kNostro Senhor! quem m'hoj'a mim guisasse
111.4 k1.3 k1.3 kEm grave dia, senhor, que vos vi
111.4 k1.3 k1.3 kPois mia ventura tal é, pecador!
111.4 k1.3 k1.3 kDeste mund'outro bem nom querria
111.3 k1.3 k1.3 kMeus amigos, muito mi praz d'Amor
111.3 k1.3 k1.3 kA mia senhor, que me foi amostrar
111.3 k1.3 k1.3 kSenhor, o mal que mi a mi faz Amor
111.2 k1.2 k1.2 kNostro Senhor, que me fez tanto mal
111.2 k1.2 k1.2 kSenhor fremosa, quant'eu cofondi
111.2 k1.2 k1.2 kEu me coidei, u me Deus fez veer
111.2 k1.2 k1.2 kTanto fez Deus a mia senhor de bem
111.2 k1.1 k1.1 kOra nom sei no mundo que fazer
111.2 k1.1 k1.1 kCom'hoj'eu vivo no mundo coitado!
111.2 k1.1 k1.1 kPero m'eu hei amigos, nom hei ni um amigo
111.2 k1.1 k1.1 kSenhor, eu vivo muit'a meu pesar
111.2 k1.1 k1.1 kFiz meu cantar e loei mia senhor
11618618618O Domínio Público no Direito Autoral Brasileiro/Capítulo 1/1.3.2./1.3.2.1
111.1 k1.1 k1.1 kEm que afã que hoje viv'! E sei
111.1 k1.1 k1.1 kNostro Senhor, que eu sempre roguei
13900Dom Quixote
111.1 k1.1 k1.1 kQue grave cousa, senhor, d'endurar
912786788786O Domínio Público no Direito Autoral Brasileiro/Capítulo 1/1.3.
111.1 k1.1 k1.1 kMeus amigos, pese-vos do meu mal
111.1 k1.1 k1.1 kGradesc'a Deus que me vejo morrer
111.1 k1.1 k1.1 kA melhor dona que eu nunca vi
111.1 k1.1 k1.1 kA maior coita que eu vi sofrer
111.1 k1.1 k1.1 kSenhor fremosa, convém-mi a rogar
111.1 k1.1 k1.1 kAndo coitado por veer
111.1 k1 k1 kMuitos vej'eu per mi maravilhar
111.1 k1 k1 kDes hojemais já sempr'eu rogarei
111.1 k1 k1 kSenhor fremosa, que sempre servi
111 k1 k1 kDa mia senhor, que tam mal dia vi
111 k1 k1 kQuem vos foi dizer, mia senhor
111 k1 k1 kDes que vos eu vi, mia senhor, me vem
111 k1 k1 kPor nom saberem qual bem desejei
111 k1 k1 kOs que mui gram pesar virom, assi
412848848848Na Taberna
111 k1 k1 kDes quand'eu a mia senhor entendi
111 k1 k1 kSenhor, por Deus que vos fez parecer
111 k1 k1 kA mia senhor, a que eu sei querer
111 k10141014Meu Senhor Deus, venho-vos eu rogar
111 k10121012Nẽum conselho, senhor, nom me sei
111 k10141014Juro-vos eu, fremosa mia senhor
111 k10151015Meus amigos, que sabor haveria
111 k10091009Quant'eu mais donas mui bem parecer
111 k10101010Pelos meus olhos houv'eu muito mal
812628628628O Domínio Público no Direito Autoral Brasileiro/Capítulo 1/1.2.1
13400Amor (Álvares de Azevedo)
11999999999Senhor, o gram mal e o gram pesar
13100Constituição de 1988 da República Federativa do Brasil/Título VIII
11996996996Coidava-m'eu, quand'amor nom havia
11995995995Por Deus vos quero rogar, mia senhor
11991991991Noutro dia, quando m'eu espedi
13143403404.3 kBíblia Aberta/Mateus/Capítulo 8
11977977977A mia senhor, que mui de coraçom
11975975975Meus amigos, quero-vos eu mostrar
11968968968Tam muit'há já que nom vi mia senhor
11963963963Ora vej'eu o que nunca cuidava
11961961961Quando vos vi, fremosa mia senhor
11958958958Pouco vos nembra, mia senhor
11952952952Neguei mia coita des ũa sazom
11931931931Senhor que eu por meu mal vi
11926926926Por Deus, senhor, tam gram sazom
12500Fabulas de Esopo/O Leão e o Rato
11905905905De mort'é o mal que me vem
11906906906Por vos veer vim eu, senhor
11891891891A dona que eu vi por meu
11867867867Nunc'assi home de senhor
11860860860Hom'a que Deus bem quer fazer
11846846846Por Deus, senhor, que vos tanto bem fez
11816816816Se vos eu amo mais que outra rem
11801801801Pois houve-m'o mal que sofro, punhei
20124583553O Domínio Público no Direito Autoral Brasileiro
212913921913A mia senhor atanto lhe farei:
11200Cancioneiro da Ajuda
11725725725A guarir nom hei per rem
4117067061.5 kSonnet
2111.6 k1.5 k1.5 kAmor, nom qued'eu amando
11692692692Se Deus me leixe de vós bem haver
10800Ato Institucional Número Cinco
3111.4 k1.3 k1.3 kAlgũa vez dix'eu em meu cantar
2111.4 k1.4 k1.4 kSenhor, que Deus mui melhor parecer
2111.4 k1.3 k1.3 kNunca fiz cousa de que me tam bem
2111.3 k1.3 k1.3 kNostro Senhor Deus! e por que neguei
311654654654O Domínio Público no Direito Autoral Brasileiro/Capítulo 1/1.3.1.
2111.3 k1.3 k1.3 kSenhor fremosa, pois que Deus nom quer
2111.3 k1.3 k1.3 kSe hom'houvesse de morrer
2111.3 k1.3 k1.3 kA dona que home "senhor" devia
10600Hino do município de Bacabeira
4111.1 k1.1 k1.1 kQuem bõa dona gram bem quer
511598598598O Domínio Público no Direito Autoral Brasileiro/Capítulo 1/1.2.2.
2111.2 k1.2 k1.2 kQue mui de grad'eu querria fazer
3111.1 k1.1 k1.1 kDesejand'eu vós, mia senhor
3111.1 k1.1 k1.1 kSenhor fremosa, fui buscar
2111.1 k1.1 k1.1 kSe eu a mia senhor ousasse
2111.1 k1.1 k1.1 kSempr'ando cuidando em meu coraçom
2111.1 k1.1 k1.1 kPor mia senhor fremosa quer'eu bem
2111.1 k1.1 k1.1 kJá m'eu, senhor, houve sazom
2111.1 k1.1 k1.1 kNulh'home nom pode saber
2111.1 k1.1 k1.1 kNom tenh'eu que coitados som
2111.1 k1.1 k1.1 kBen'o faria, se nembrar
3111 k1 k1 kOs meus olhos, que mia senhor
2111.1 k1.1 k1.1 kMuitos dizem que perderám
2111.1 k1.1 k1.1 kJá foi sazom que eu cuidei
2111.1 k1.1 k1.1 kAgora m'hei eu a partir
712181818Categoria:O Domínio Público no Direito Autoral Brasileiro
2111.1 k1 k1 kA mia senhor, que por mal destes meus
2111.1 k1 k1 kPunhei eu muit'em me guardar
2111.1 k1 k1 kSenhor e lume destes olhos meus
2111 k1 k1 kPorque nom ous'a mia senhor dizer
2111 k1 k1 kDe mia senhor entend'eu ũa rem:
2111 k10151015Coit'haveria, se de mia senhor
2111 k10211021Cuidades vós, mia senhor, que mui mal
212643645643Sazom sei ora, fremosa mia senhor
Graphique des modifications November 2019
Graphique des utilisateurs November 2019
Graphique des espaces de noms November 2019